Jamaica

Project 15 of 311

A experiência do Art of Travel no GoldenEye Hotel

Image-1 (8)

Esse é o visual que nos deparamos assim que entramos no hotel! Fotos Art of Travel

A história do GoldenEye começa muito antes do nascimento do hotel. Nesse mesmo terreno morou Ian Fleming, e lá escreveu os livros 007. Chris Blackwell comprou a casa do escritor em 1976 e a transformou em um dos hotéis mais encantadores da ilha. O nome, em homenagem ao seu amigo, não podia ser diferente – GoldenEye.  Lá também foi filmado um dos filmes James Bond. Chris era também dono da produtora Island Record que colocou artistas do reggae no mapa mundi (Bob Marley entre eles). Habitués como Bono Vox, Grace Jones, Mick Jagger criaram suas notas em meio as praias privativas, a lagoa de água salgada e os jardins exuberantes. O hotel, que fica em Oracabessa Bay, carrega muitas histórias interessantes e sentar ao lado de Chris, tomar um rum e ouvir suas histórias foi um privilégio que tive durante a minha estadia no GoldenEye.

Image-1 (10)

Fotos Art of Travel – Julia Duvivier, dona da Agencia Art of Travel com Chris Blackwell e todo o grupo!

IMG_3945

A ponte que liga a recepção e restaurante ao resto do hotel. Foto Divulgação (1) hotel e Art of Travel

Bom, vamos aos fatos. O hotel possui 45 quartos e villas e oferece uma experiência autêntica da Jamaica, desde sua decoração aos tours exclusivos criados para conhecer a cultura local.
O meu quarto era especial, uma Lagoon villa de 102 m2 distribuídos entre quarto, banheiro, cozinha, sala com um futon enorme (praticamente uma cama queen) e televisão. Perfeito para quem vai com filhos ou de lua de mel. Não posso deixar de mencionar o chuveiro do lado de fora, ao ar livre para tomar banho vendo a lua e as estrelas!
É importante falar que dentro do quarto não tem chuveiro, apenas uma banheira com aquele chuveiro tipo “telefone”.

Image-1 (11)

Lagoon Villa – Fotos divulgação (1) e Art of Travel
IMG_0447

Lagoon Villa – Fotos Art of Travel


A parte mais bacana é a vista para a lagoa (que na verdade é o mar), de tom verde e água transparente, e o seu private caiaque “estacionado” para já sair do quarto dando um passeio. Acordar cedo e dar um mergulho nesse mar, em frente ao seu quarto, nesse mar maravilhoso, com todo conforto é um luxo só!

Image-1 (12)

Lagoon Villa – Fotos Art of Travel

Uma outra alternativa, além dos quartos virados para praia (que a disposição é a mesma da lagoon vila), é o Lagoon cottage. O quarto é um pouco menor, com 94 m2 e também tem a vista pro mar da lagoa e um delicioso deck e varanda. E claro, seu caiaque na porta!
Uma opção um pouco mais simples, porém não menos gostosa, são os Beach Huts, que são casinhas hiper charmosas de 97m2, que ficam no meio do terreno, por isso não dá nem para a praia e nem para a lagoa. Elas, diferente dos outros quartos, não tem ar condicionado, o que a principio pode assustar muita gente, mas o ventinho da noite não deixa ninguém sentir calor.
O próprio Chris, dono do hotel, incentiva isso e diz que faz parte do modo de vida jamaicano. Inclusive se o ar condicionado não for usado durante sua estadia, no check out você receberá um desconto de 20 dólares por noite, bacana não?!

Image-1 (13)

Os Beach Huts e a praia – Fotos Art of Travel

E para quem quer ter uma experiência mais exclusiva em família ou com amigos a Ian Fleming vila é ideal. Ali era inicialmente a casa do escritor, que foi reformada e transformada em uma incrível vila de 5 quartos, sala, cozinha, home theater, piscina, um lindo jardim e vista para o mar. Um sonho. A decoração é simples, de muito bom gosto e muito aconchegante.
Quando a vila não está ocupada é possível fazer um almoço ou jantar privado em diferentes espaços da vila, como uma caverna, por exemplo. Uma experiência que vale super a pena, principalmente se for uma ocasião especial. Para ficar na memória!

Image-1 (14)

Ian Fleming Villa – Fotos Art of Travel

Nós tivemos a oportunidade de fazer um almoço delicioso, em uma mesa pertinho do mar, com uma vista escandalosa, e comida típica jamaicana. Tipo cenário de filme! Todas essas experiências o Art of Travel pode organizar para a sua viagem! Indicamos muito!

Image-1 (15)

Almoço espetacular na Ian Fleming Vila – Fotos Art of Travel

Falando em comida, o hotel conta com 2 restaurantes, que apresentam comida tradicional jamaicana, com toques da cozinha internacional. Os ingredientes são frescos e orgânicos e o tempero é bem spicy, mas é possível pedir para vir menos picante. E claro que a bebida mais famosa é o Rum, então não deixe de experimentar o drink que tomamos durante toda a viagem, o Ginger Morrito! A cerveja local é a Red Stripe, também muito boa.

Image-1 (16)

Os restaurantes The Gazebo e Bizot Bar – Fotos Divulgação (1) e Art of Travel

Image-1 (22)

O barman com o “famoso” Ginger Morrito, o welcome drink que tomamos quando chegamos ao hotel e a cerveja local, Red Stripe – Fotos Art of Travel

Outra opção muito bacana é fazer um jantar, picnic, almoço ou qualquer tipo de recepção no Firefly, que nada mais é que um lindo espaço para eventos, a 10 minutos do hotel, com um belo jardim e uma vista estonteante para o mar. Uma experiência exclusiva e romântica que podemos proporcionar aos nossos clientes para deixar sua viagem ainda mais especial.

Image-1 (19)

O espaço Firefly usado para private events – Fotos Art of Travel

Sobre as atividades no hotel, conseguimos fazer snorkeling para ver os corais, que foi bem gostoso, pois a água do mar tem uma temperatura ótima, mas sem muitos peixes. O barco te leva para longe e você vem voltando a favor da maré para o hotel fazendo o passeio com a ajuda de um guia que vai mostrando e explicando sobre os corais e toda vida marinha.
O hotel também oferece stand up paddle, caiaque, passeio com o glass bottom boat e scuba diving. Há também uma quadra de tennis, academia e o Spa que é maravilhoso! Do quarto em que nos hospedamos (lagoon Villa) dá pra ir até lá de caiaque, uma delicia!

IMG_3957

O Spa – Foto Divulgação

É também uma opção maravilhosa para quem quer viajar em família, pois aceita crianças de todas as idades e menores de 3 anos não pagam. Além disso ainda oferece serviço de babá (pago a parte), berço, cadeirinha e até babá eletrônica.

O grande barato de se hospedar no GoldenEye é poder curtir todos os cantinhos do hotel, sem pressa, e sentir a cultura jamaicana conversando com as simpáticas pessoas que ali trabalham. Uma figura que não passa desapercebida é o John, o trabalho dele é passar o dia no mar catando as conchas da beira da água para ninguém machucar o pé quando for mergulhar.

Image-1 (17)

A piscina em formato de olho, o figura John, catador de conchas e detalhe do hotel – Fotos Divulgação (1) e Art of Travel Image-1 (9)

Os detalhes espalhados que contam a história do GoldenEye, do Chris Blackwell (dono) e de Ian Fleming – Fotos Art of Travel

Não deixe também de assistir ao pôr do sol, é incrível, daquele tipo que o sol se põe dentro do mar, imperdível! Já existem umas cadeiras estrategicamente posicionadas para assistir esse espetáculo. Outro ponto ótimo para fotos no entardecer é a piscina de água salgada, no formato de um olho. #ficaadica

Image-1 (18)

Pôr do Sol inesquecível no hotel – Fotos Art of Travel

Sobre os passeios fora do hotel conseguimos fazer o Blue Hole que é incrível! Se trata de uma trilha rodeada pela natureza, com lindas cachoeiras onde é possível mergulhar, saltar e até fazer um rapel! Muita aventura! O lugar é muito lindo, mas fica bem cheio. Ir com guia é essencial para ajudar no caminho.

Ainda é possível parar no caminho para ver uma criação de jacarés e até fazer carinho em um deles.
Na volta do passeio ainda paramos em um shopping aberto que fica em frente ao Porto aonde chegam os navios para ver umas lojinhas locais. Tomamos um sorvete e compramos lembrancinhas.

Image-1 (20)

Image-1 (21)

As lindas paisagens do Blue Hole e a criação de Jacaré no caminho – Fotos Art of Travel

A Jamaica é um lindo país, com um povo feliz e simpático, além de estar a apenas 1 hora e meia de Miami, se tornando um destino perfeito para férias! Eu voltei para casa com a certeza de que um dia voltarei a esse paraíso!

Image-1 (23)

O hotel GoldenEye – Fotos Art of Travel

Menu